Projetos em andamento

Edição 2018/2019


ONG: OBSERVATÓRIO SOCIAL DO BRASIL (OSB-SP)

Integrantes: Rodrigo S. Q. Carmarinha, Eduardo L. Farkas N., Beatriz Lira D., João Vitor O. Saes, Mateus Martins P. J., Ester Romano

Tutor: Alex B.

O Instituto OBSERVATÓRIO SOCIAL DO BRASIL é uma organização não governamental e sem fins lucrativos, que tem como objetivo incitar o senso de cidadania na população e, a partir disso, ampliar a representação dos interesses coletivos perante os órgãos públicos. Isso ocorre por meio da fiscalização e monitoramento dos recursos públicos, visando aperfeiçoar a gestão pública.

O projeto tem como objetivo aumentar a visibilidade da ONG nas mídias para atrair novos e mais voluntários, além disso, angariar possíveis patrocínios, cujos resultados serão a ampliação d a atuação da ONG e do capital humano.


ONG: INSTITUTO HUMANIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO INTEGRAL (IHDI)

O Instituto Humanização e Desenvolvimento Integral (IHDI) presta o serviço de assistência à educação infanto-juvenil, atuando por meio de creches, justamente, para crianças em situação de vulnerabilidade e risco na cidade de São Paulo e de CCA (Centro para Crianças e Adolescentes). Também assiste aos adultos em situação de rua por meio de albergue.

Integrantes: Jessica Coelho, Natalia Gonçalves Bersanetti, Giovana Silva de Moraes, Larissa Lury T., Guilherme kury, André de Paula C.

Tutor: Vitor Hideo Nasu

O primeiro projeto em desenvolvimento no IHDI estruturou um plano de estratégia digital englobando, além do site da ONG, a sua página no Facebook e o Instagram (a ser criado). Inscrever o IHDI em plataformas digitais de crowdfunding, e também em um programa de divulgação gratuito, que publicará de maneira pertinente os banners da ONG em diversos sites. O primeiro resultado foi a realização da primeira campanha de arrecadação online, um teste para dimensionar o alcance da imagem da ONG perante aos colaboradores e ao público. Foi realizado ainda, o cadastro da ONG em plataformas que unem a instituição e os seus futuros voluntários.

 

Integrantes: Guilherme B. D. Ramos, Luis Fernando Portugal D., Bruno Serafim T., Roberto Romano, Mijung Kim.

Tutor: Marcelo Risso

O segundo projeto em desenvolvimento no IHDI busca introduzir a sistematização de dados por meio da conversão de dados do extrato bancário em Excel por meio de uma ferramenta chamada ´´Nitros´´. Assim busca facilitar a extração de dados bancários de uma forma mais organizada, transparente e rápida para formular os documentos necessários à prefeitura.


ONG: FUNDAÇÃO BRITÂNICA DE BENEFICÊNCIA (FBB)

Integrantes: Salomon, Ricardo Bignon Nagnonhou, Thais Vieira, Victoria Zorzetto, Monica Angelis Oliveira Ribeiro, Larissa Katayama

Tutor:

A Fundação Britânica de Beneficência (FBB) atua na promoção da dignidade e do bem-estar da parcela da população com 60 anos de idade ou mais, por meio de quatro programas: acolher, cuidar, amparar e multiplicar. Por meio destes, fornece assistência financeira, apoiando instituições de permanência para a terceira idade; acompanhamento dos idosos em consultas e exames; e também acolhimento quando necessário. Além dos programas, contam com o recém-criado centro de convivência, onde realizam atividades de lazer e cultura com os idosos da comunidade.

O projetos busca facilitar a logística e organização de processos da FBB, por meio da criação de manuais para padronização, organização e gestão desses processos, por meio da abordagem de tópicos para logística e realização dos quatro programas existente. Assim, diferentes pessoas poderão realizar e organizar diferentes processos a qualquer momento, sem a necessidade da concentração em um único responsável. Dentre os resultados previstos há o acompanhamento da eficácia do projeto por meio de índices de qualidade, os quais são elaborados conforme os dados forem entregues pela ONG ao grupo.


ONG: ETERNAMENTESOU

Integrantes:

Tutor:

A ONG EternamenteSOU promove o atendimento psicossocial aos idosos LGBT 60+ (pessoas LGBT mais simpatizantes e idosos de 60 anos ou mais). Possui como missão criar um envelhecimento saudável e digno para esse público criar um plano de patrocínio para angariar recursos e, futuramente, construir com centro de convivência.

O projeto em desenvolvimento busca fortalecer as áreas de finanças e de marketing da ONG por meio da estruturação de programas de fidelidade benchmarking com outras ONGs.


ONG: INSTITUTO ANA ROSA

Integrantes: Aline Pinheiros dos Santos, Paulo Henrique da Silva, Fernando Fagner Ramos.

Tutor:

O Instituto Ana Rosa proporciona o atendimento psicológico e odontológico e de fonoaudiólogos, contribuindo para melhores condições de vida, educação, proteção e segurança a crianças e jovens provenientes de famílias de baixa renda e em vulnerabilidade social.

O projeto em desenvolvimento busca a estruturação de recursos por meio de parcerias com universidades que ofereçam os profissionais citados, e melhorar o processo de seleção de estagiários e voluntários. Dentre os resultados previstos, está o aumento da disponibilidade de profissionais capacitados que possam atender regularmente os casos apresentados pelo Instituto. Em suma, os resultados dependem da efetivação do convênio entre a ONG e a PUC- SP.


ONG: ABEUNI – Aliança Beneficente – Universitária de São Paulo

Integrantes: Erick Fernando Feijóo Alonso, Gabriel Magliano Maia do Nascimento, Jhoseline Karina Quispe Huacota, Maria Aparecida Dourado, Redne Inacio Lopes Silva

Tutor: Vitor Hideo Nasu

A ABEUNI – Aliança Beneficente – Universitária de São Paulo – é uma entidade filantrópica, fundada por universitários e formandos de várias áreas do conhecimento. A entidade realiza eventos ao longo do tempo, tentando atender a população, abrangendo as mais variadas necessidades públicas, e alguns eventos festivos para financiar as atividades assistenciais. Em 35 anos de existência, a atuação da ABEUNI tem focado, principalmente, na saúde pública, com consultas odontológicas e de saúde básica voltados para todas as faixas etárias.

Em conjunto com a ABEUNI o grupo está buscando delimitar como um produto viável a ser entregue no projeto de centralização dos dados gerados pela ONG, de forma que se crie um processo, um caminho a ser seguido quando algum dado for gerado. Também elaboraremos um manual com a nossa proposta e treinamentos caso necessário.